Mais valor agregado aos produtos e a garantia de ser uma empresa que contribui com o pacto global. Esses são os principais benefícios das empresas que aderem ao Selo Clima Paraná, reconhecimento do Governo do Estado efetivado por meio da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo

O certificado é uma marca da sustentabilidade e um dos mais conceituados do País, contribuindo para garantir negócios internacionais. Para aderir, basta fazer a declaração da emissão de carbono. As informações prestadas pelas empresas auxiliam o Governo a elaborar políticas voltadas à redução da emissão de poluentes.

Participante do Selo Clima Paraná desde 2015, o Grupo SLB no Brasil conquistou o Selo Ouro Plus no ano passado. Segundo a engenheira ambiental da empresa, Jullia Prado Gaudêncio, esse ano não vai ser diferente.

“No ano passado, obtivemos o Selo Ouro Plus por termos nosso relatório completo e auditado pelo Inmetro, além de apresentarmos reduções na emissão de gases de efeito estufa em relação ao ano anterior. Entendemos que o selo é muito importante por ser o primeiro passo para a gestão das emissões, o que nos auxilia a traçar metas para reduzir os gases poluentes”, disse.

As empresas que submetem a catalogação de emissões de carbono conquistam o Selo Clima Original. Para as que fornecem este relatório e o submetem à verificação de uma terceira entidade certificada pelo Inmetro, o Selo é o Ouro. Já o Ouro Plus é concedido às empresas que, além destes fatores, comprovam a redução de lançamento de carbono.

O secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, destaca que cada vez mais empresas procuram saber o que é o Selo Clima Paraná, a fim de garantir a marca da sustentabilidade. No ano passado, 46 empresas foram agraciadas com o selo.

“O Governo dá subsídios para o empresariado porque é ele quem garante os empregos para a população paranaense, ou seja, quanto mais prósperas as corporações, mais renda para o povo. Mas também é necessário prestar atenção aos sinais do meio ambiente”, afirma.

EXEMPLO  A Companhia Paranaense de Energia (Copel), exemplo global de sustentabilidade, recebeu o Selo Ouro Plus em 2020. “A Copel é pioneira em boas práticas socioambientais, atenta e na vanguarda de questões relacionadas à sustentabilidade. Acompanhamos como as mudanças climáticas afetam a vida de todos nossos stakeholders e, por isso, o tema sempre teve relevância para a companhia”, afirma o diretor de Governança, Risco e Compliance, Vicente Loiacono Neto.

A empresa aderiu ao Selo Clima Paraná desde o seu surgimento, em 2014. “A Copel aderiu à iniciativa com o objetivo de apoiar as políticas do Estado e, considerando seu protagonismo, incentivar a participação de outras empresas”, completa Neto.

De acordo com a superintendente da Coordenação de Sustentabilidade Empresarial e Governança Corporativa, Luísa Nastari, a companhia possui uma política específica para tratar do tema Mudança do Clima, que tem como desdobramento a realização dos inventários de emissão de gases de efeito estufa (GEE).

“Estes inventários são auditados e disponibilizados para a Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, que dá publicidade por meio de registro público. A política é alinhada às práticas de transparência e compromisso com a temática”, diz Luísa.

“Neste ano, avançamos nas ações de combate à mudança do clima estabelecendo planos de longo prazo para atuar nesta questão. Para isso, a Copel aprovou um Plano de Neutralidade de Carbono que tem a meta de neutralizar as emissões de GEE até 2030″, explica a superintendente.

“O Selo Clima Paraná dá oportunidade de a Copel evidenciar estas boas práticas, relacionadas à mudança do clima, e acredito que isso seja um motivador para que outras empresas queiram participar e demonstrar seu engajamento sobre o tema”, acrescenta.

CONQUISTA  Com o Selo Ouro, a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) também entende que a conquista é extremamente benéfica. O diretor de Meio Ambiente e Ação Social, Julio Gonchorosky, destaca que a empresa busca equilibrar o meio ambiente, a responsabilidade social e a governança.

“Quando fazemos avaliação das nossas emissões de gases de efeito estufa (GEE), estamos sendo transparentes, mostrando o que esse processo gera. Além disso, esse levantamento serve para que tenhamos processos cada vez melhores e tecnologias cada vez mais apuradas para reduzir a pegada de carbono”, destaca.

COMO PARTICIPAR Para conquistar a certificação neste ano, as empresas podem submeter seus relatórios até o dia 30 de setembro. As declarações simplificadas ou completas são feitas totalmente online. Elas devem ser encaminhadas ao e-mail [email protected] Todos os formulários e como preencher estão disponíveis na página do Selo Clima CONEXÃO AMBIENTAL, na aba Como Participar.

“Investir na economia verde, de baixo carbono, é essencial para as empresas vencerem em um mundo mais competitivo, mais articulado com as cadeias globais de comércio. Esta é uma exigência cada vez maior dos clientes, nos principais mercados dos produtos paranaenses”, afirma o coordenador do Selo Clima Paraná, José Rubel.





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here