Barracos têm dado espaço ao Parque da Lagoa que vai abrigar mais de 7 mil pessoas da região

O Residencial Parque da Lagoa já é realidade para os moradores da orla lagunar, no Vergel do Lago. Desde janeiro deste ano, início da gestão do prefeito JHC, os barracos improvisados têm dado espaço para o empreendimento habitacional que vai abrigar mais de 7 mil pessoas da região com mais conforto, segurança e dignidade.

Residencial Parque da Lagoa, no Vergel do Lago. Foto: Secom Maceió

A obra, orçada em R$ 140 milhões em recursos federais do programa Casa Verde e Amarela, tem avançado diariamente e conta com 23 prédios de apartamentos levantados. A previsão de entrega é 50% até dezembro de 2021 e a outra metade no fim de 2022.

“Estamos caminhando a passos largos. O consórcio de empresas responsável pela obra está realizando o acabamento dos primeiros blocos levantados. Em dezembro, a medida em que as unidades habitacionais forem ficando prontas, as famílias da orla lagunar ocuparão suas novas residências”, destacou o secretário adjunto de Habitação Popular, Eduardo Rossiter.

Secretário de Habitação, Eduardo Rossiter tem mantido diálogo com os moradores da orla lagunar. Foto: Gabriel Moreira/Secom Maceió

A celeridade de execução da obra tem sido possível devido ao trabalho de conscientização e mapeamento da região realizado pela equipe da Habitação. Diariamente, após diálogo com os profissionais da secretaria, famílias estão desocupando pacificamente os barracos abrindo espaço para o avanço do complexo.

“Antes, a gente não deixava o barraco por não saber quando ganharíamos a casa. Agora, temos certeza que vai sair. Estamos vendo acontecer. São mais de 1.700 famílias como a minha que vão ter uma vida nova”, disse a marisqueira Vanessa Santos.

Além do Parque da Lagoa, no Vergel do Lago, a Prefeitura de Maceió mantém em construção outros 10 residenciais espalhados no Benedito Bentes, Santa Amélia e Santos Dumont. Ao todo, serão mais de 23 mil pessoas de baixa renda contempladas com um novo lar na capital.

Maurício Manoel / Ascom Habitação



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here