Cursos gratuitos profissionalizantes para as mulheres – Agência Brasília

0
41


Muitas mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica sonham em conquistar a autonomia financeira e em proporcionar segurança e bem-estar para a família. Poucas delas desconhecem que o caminho para a independência financeira passa pela capacitação. A oportunidade para a qualificação chegou para as mulheres do Itapoã. A Secretaria de Trabalho oferece 360 vagas em seis cursos profissionalizantes, a maioria na área de beleza.

O Itapoã foi contemplado com 360 vagas, sendo quatro cursos na área de beleza e dois administrativos| Foto: Paulo H Carvalho/Agência Brasília

A capacitação profissional faz parte do Projeto Jornada da Mulher Empreendedora. Serão ofertadas 60 vagas para cada um dos seis cursos de qualificação profissional: alongamento de unhas, maquiagem profissional, design de sobrancelhas, cabeleireira profissional, secretariado administrativo e informática básica.

“As mulheres que passam pelos cursos saem em condições de buscar um emprego e muitas delas se lançam no mercado de trabalho como microempreendedoras”Thales Mendes, secretário de Trabalho

As inscrições podem ser feitas no período de 18 a 22 de outubro, de forma eletrônica, no portal da secretaria de Trabalho https://www.trabalho.df.gov.br/. É necessário o preenchimento do formulário de pré-inscrição disponível nesse endereço. A administração do Itapoã também vai auxiliar as interessadas durante o processo de inscrição.

As pessoas inscritas serão classificadas e ranqueadas de acordo com as condições de vulnerabilidade socioeconômica informadas no formulário. A prioridade será para as mulheres desempregadas e/ou com cadastro em algum programa social do Governo Federal ou do Governo do Distrito Federal e, preferencialmente, moradora do Itapoã.

O resultado final da seleção será divulgado no dia 25 de outubro. A previsão para o início das atividades será a partir do dia 8 de novembro. Ao final do curso, as participantes receberão um certificado da Secretaria de Trabalho.

De volta ao mercado de trabalho

“As mulheres que passam pelos cursos saem em condições de buscar um emprego e muitas delas se lançam no mercado de trabalho como microempreendedoras”, disse o secretário de Trabalho, Thales Mendes.

De acordo com o secretário, o planejamento dos cursos oferecidos durante o Projeto Jornada da Mulher Empreendedora é feito de maneira a oferecer as vagas em especialidades que são mais demandadas pelo mercado de cada cidade. Por isso mesmo, o Itapoã foi contemplado com 360 vagas, sendo quatro cursos na área de beleza e dois administrativos.

O resultado final da seleção será divulgado no dia 25 de outubro. A previsão para o início das atividades será a partir do dia 8 de novembro de 2021

“O seguimento empresarial do Itapoã está buscando profissionais na área de beleza. Então, as mulheres interessadas em aproveitar essas novas oportunidades devem estar qualificadas e preparadas para ocupar essas vagas”, disse o secretário.

Moradora de Sobradinho II, Juliana Santos Oliveira, 39 anos, está desempregada, mas cheia de esperança de que as coisas vão melhorar. O sentimento não é causado somente pelo otimismo. A confiança de Juliana é fruto de sua dedicação ao curso de secretariado administrativo do Projeto Jornada da Mulher Empreendedora, que está sendo realizado atualmente em Sobradinho.

Juliana avalia que esse é o primeiro passo para se reposicionar no mercado de trabalho. “Esse curso é de extrema importância para mim. Estou recebendo os conteúdos, aperfeiçoando as práticas e vou poder trabalhar em qualquer empresa, como auxiliar ou assistente. Estou desempregada e não posso pagar por um curso assim, mas estou confiante de que vou voltar logo a trabalhar”, disse Juliana Oliveira.

Juliana Santos Oliveira, 39 anos, está desempregada e avalia que o curso de secretariado administrativo é o primeiro passo para se reposicionar no mercado de trabalho| Foto: Paulo H Carvalho/Agência Brasília

Aulas teóricas e práticas

Com duração de 20 dias, a capacitação será realizada em 10 tendas que serão instaladas ao lado do Fórum do Itapoã. Os cursos terão duração de 60 horas, distribuídas em 15 horas de aulas teóricas, 40 horas de aulas de práticas e mais cinco horas de palestras, sendo ministrador pelo Instituto Cultural e Social do Distrito Federal (INCS/DF).

As 360 vagas oferecidas estão distribuídas em 180 vagas para o período matutino e outras 180 vagas para o período vespertino. A Secretaria do Trabalho reservou também 100 vagas para cadastro reserva.

“A qualificação profissional dá uma nova oportunidade para essas mulheres, principalmente nessa situação de pandemia e de desemprego. Muitas querem se qualificar para terem o seu próprio negócio e uma renda fixa”, destacou a coordenadora do Projeto Jornada da Mulher Empreendedora, Carina Ferreira Martins.

Galeria de Fotos

Cursos profissionalizantes para as mulheres



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here