Brasília fortalece relações com a Espanha – Agência Brasília

0
24


O secretário de Cultura e Economia Criativa (Secec), Bartolomeu Rodrigues, participou de audiência com o rei Filipe VI da Espanha nesta sexta-feira (5). O encontro foi promovido pela União de Cidades Capitais Ibero-americanas (UCCI), no Palácio La Zarzuela, para as autoridades representantes das cidades ibero-americanas que compõem a rede, no âmbito de sua XIX Assembleia Geral.

Secretário de Cultura, Bartolomeu Rodrigues participou de audiência com o rei Filipe VI da Espanha,  no Palácio La Zarzuela| Fotos: Divulgação/UCCI

Na reunião, que discutiu a situação dos centros metropolitanos ao redor do mundo, Rodrigues falou sobre a necessidade de ampliar os intercâmbios e as trocas de experiências entre as cidades ibero-americanas, bem como sobre a importância de se fortalecerem os instrumentos democráticos para encontrar soluções aos problemas comuns ao planeta.

“Não só o mundo está em perigo atualmente, diante de uma anunciada catástrofe ambiental. As democracias também estão cobrando de todos nós uma maior integração, cooperação e fraternidade”, enfatiza o secretário.

O representante de Brasília foi um dos poucos a falar durante a audiência com o rei espanhol, encerrando uma série de debates sobre os problemas decorrentes da pandemia. “Se estou perante Vossa Majestade, é porque a democracia permitiu”, disse Bartolomeu Rodrigues. Na ocasião, o secretário manifestou uma saudação do governador Ibaneis Rocha ao rei.

Comitê Executivo e Assembleia Geral

A audiência com o rei Filipe marcou o encerramento da LII Reunião do Comitê Executivo e da XIX Assembleia Geral da UCCI, em Madri. Além do secretário Bartolomeu, Brasília foi representada na programação ao longo de quinta (4) e sexta-feira (5) pela chefe do Escritório de Assuntos Internacionais (EAI) do GDF, Renata Zuquim, coordenadora da rede em Brasília.

A capital brasileira é membro nato da UCCI desde 1986. Nesse contexto, o EAI-GDF é responsável pela promoção das ações da rede na administração pública distrital, e vice-versa.

*Com informações do Escritório de Assuntos Internacionais



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here