spot_img
More

    Latest Posts

    Encontro discute violência doméstica e qualidade de vida no campo – Agência Brasília


    O VII Encontro Distrital de Mulheres Rurais reuniu cerca de 150 agricultoras de todo o Distrito Federal com o objetivo de promover momentos de interação, troca de conhecimento e saberes, cuidados pessoais, debates sobre violência doméstica e diversas outras temáticas voltadas para a realidade do campo. O intuito é proporcionar empoderamento, geração de renda e a melhoria da qualidade de vida das mulheres.

    O Encontro Distrital de Mulheres Rurais acontece a cada dois anos; Emater-DF atende a mais de 10 mil moradoras do campo | Fotos: Divulgação/Emater-DF

    Durante o evento, que é organizado pela Emater-DF, a agricultora Frederica Cordeiro, de Ceilândia, entregou à presidente da Emater-DF, Denise Fonseca, uma carta com reinvindicações das comunidades de áreas rurais. Frederica pediu que a carta fosse entregue ao governador do DF, Ibaneis Rocha. O documento foi construído durante os pré-encontros realizados pela Emater-DF com as mulheres. As reinvindicações contemplam questões ligadas à educação, saúde, infraestrutura, lazer e saneamento básico.

    Ao lado da diretora-executiva da empresa, Loiselene Trindade, Denise Fonseca fez a entrega de carteiras do produtor, com novo design, às produtoras rurais. O novo modelo é moderno e possui um QR Code para identificação individual, garantindo ainda maior segurança ao documento. As produtoras foram as primeiras a receber o novo modelo.

    Programação incluiu sessão de cuidados pessoais, como corte de cabelo e maquiagem

    Produtora de hortaliças e frutas em Brazlândia, Natividade Beserra da Silva, agricultora há 25 anos, participou do encontro e foi uma das contempladas com o novo modelo do Cartão do Produtor. “Esse cartão representa muito para mim, me dá mais força para seguir em frente como produtora rural”, disse.

    O encontro das produtoras contou com música ao vivo da banda de forró Os Brasas do Nordeste, com a participação do extensionista da Emater-DF Ecarlos Carneiro. As agricultoras também participaram de oficinas sobre cosméticas caseiras e arte de fuxico, por exemplo, e de um bate-papo sobre empoderamento, além de exames de vista e sessão de cuidados pessoais, como corte de cabelo e maquiagem. Teve ainda uma gincana de integração, com diversas brincadeiras.

    Presença feminina no campo

    A mulher rural representa uma parte muito significativa do público principal atendido pela Emater-DF. Hoje, a empresa possui 15 escritórios locais espalhados por áreas rurais do DF e um número de 15.776 propriedades cadastradas. Destas, 5.268 propriedades têm uma mulher à frente como proprietária ou coproprietária. O público feminino atendido pela Emater-DF, porém, representa mais de 10 mil moradoras do campo.

    O Encontro Distrital de Mulheres Rurais acontece a cada dois anos. A última edição foi em 2018 e teve a participação de 500 mulheres. No entanto, em função da pandemia do coronavírus, neste ano o evento teve que ser realizado com número reduzido de participantes.

    Abertura

    Durante a abertura oficial, a presidente da Emater-DF falou da importância da integração e união do governo local e das produtoras rurais. “Apesar de ser um encontro de mulheres, as pautas são voltadas para todos do campo, para toda a família. Mulher nunca olha só para ela. Mulher é justa, é mãe, é filha, é amiga e o olhar vai muito além. Nós, da Emater-DF, acreditamos que esse encontro pode mudar vidas, empoderar mulheres e transformar realidades. É por isso que a gente trabalha com tanto afinco”, ressaltou a dirigente.

    O VII Encontro Distrital de Mulheres Rurais reuniu cerca de 150 agricultoras de todo o DF, com o objetivo de proporcionar empoderamento, geração de renda e a melhoria da qualidade de vida das mulheres

    A diretora-executiva da Associação Brasileira das Entidades Estaduais de Assistência Técnica e Extensão Rural (Asbraer), Mariana Matias, destacou a expectativa de que no próximo ano o evento seja realizado com mais de 500 mulheres, como nos eventos anteriores. Ela também fez um agradecimento emocionado às produtoras rurais, responsáveis pelo cultivo de alimentos que chegam nas cidades. “É por vocês e pelo alimento que vocês cultivam, e que nos alimenta, que estamos aqui hoje”, disse.

    Andressa Xavier, representando a deputada Arlete Sampaio, também destacou o papel central que as mulheres produtoras rurais têm na sociedade, produzindo alimentos de qualidade. “Essas mulheres, muitas vezes, são invisibilizadas. Mas essas mulheres têm voz e precisam ser ouvidas para que não sejam mais invisibilizadas e sigam firmes na luta”, ponderou.

    “A gente recebeu essa missão de cuidar dos filhos, manter a casa organizada, estar com as amigas e ainda ter a capacidade de produzir, de dar o melhor em tudo que a gente faz”, destacou a deputada federal Bia Kicis.

    Também participaram representantes de autoridades, como Fernando Luiz Pires, assessor da deputada federal Bia Kicis; Roze Mendes, representando a secretária de Turismo Vanessa Mendonça; Renata Madeira, representando a secretária da Mulher Ericka Filippelli; e a subsecretaria de Segurança Alimentar e Nutricional da Secretaria de Desenvolvimento Social, Karla Lisboa, representando a secretaria da Sedes, Mayara Noronha Rocha.



    Source link

    Latest Posts

    spot_imgspot_img

    Don't Miss

    Stay in touch

    To be updated with all the latest news, offers and special announcements.